31 de julho de 2018

Stay Strong, @ddlovato

0 comentários


Querida Demi,

Começo esta carta te dizendo o quanto te amo, e o quanto espero pela sua melhora.
Gostaria que você soubesse que meu coração se quebrou quando soube o que aconteceu, mas ressalto que ele continua pulsando, esperançoso, esperando para te ver novamente de peito cheio e cabeça erguida.

Eu continuo orando a cada batimento do meu coração, e te enviando amor o todo tempo, e vou continuar enviando amor enquanto eu respirar.

Porque foi isso que você me ensinou, a amar, independente de qualquer coisa.
Não importa a dor, o cansaço, os problemas, o ódio, a tristeza, o que as pessoas falam ou fazem para tentar me abalar, com você eu aprendi a ser alguém que ama. Sempre. Acima de qualquer coisa.

Aprendi com cada sorriso e cada lágrima, com cada beijo, cada abraço, aprendi com seu coração, sua transparência, com a paz que você me transmite e com sua humanidade.

Você é minha inspiração e tem sido minha estrela desde que eu descobri que eu estava perdida, você me guiou por todos os lugares ruins e sentimentos confusos que precisei enfrentar, você sempre esteve aqui por mim, e hoje, mais do que nunca, quero que saiba, meu peito arde de amor por você.

Tanto que eu nem consigo controlar aquelas lágrimas bobas que sempre nos doma, quando não
cabemos dentro de nós mesmos. Não consigo porque eu sinto a gratidão correndo nas minhas veias, gritando para sair.

Eu sou grata por tudo, por quando eu estava sozinha, e você me ouvia, por quando você estava comigo quando ninguém mais estava, pelas inúmeras vezes que você cuidou do meu coração, acariciou minhas mãos e me deu seu colo, simplesmente cantando pra mim.

Você sempre esteve aqui por mim, e eu sempre vou estar por voce.

Te amo,
esperando ansiosamente pela sua melhora.


_________________________________________________________________________________


Dear Demi,

I begin this letter telling you how much I love you, and how much I hope for your improvement.

I would like you to know that my heart broke when I heard what happened, but I point out that it continues to throb, hopeful, waiting to see you again with full chest and head held high.

I keep praying with every beat of my heart, sending you love all the time, and I will continue to send love while I breathe.


Because that's what you taught me, to love, regardless of anything.

No matter the pain, the tiredness, the problems, the hate, the sadness, what people talk or do to try to shake me, with you I have learned to be someone who always loves. Ever. Above anything.

I learned with every smile and every tear, with every kiss, every hug, I learned with your heart, its transparency, with the peace you transmit to me and with your humanity.

You are my inspiration and you have been my star since I discovered that I was lost, you guided me through all the bad places and confused feelings that I had to face, you were always here for me, and today, more than ever, I want you You know, my chest burns with love for you.

So much that I can not control those silly tears that always dress us when we do not fit inside ourselves. I can not because I feel gratitude racing through my veins, screaming out.

I'm grateful for everything, when I was alone, and you listened to me, when you were with me when no one else was, for the countless times you took care of my heart, caressed my hands and gave me your lap, just singing to me .

You've always been here for me, and I'll always be there for you.

I love you,

waiting anxiously for his improvement.


16 de julho de 2018

@flor

2 comentários

Você pode ler ouvindo Maron 5 - Girls Like You


Esses dias enquanto assistia um capítulo da novela das nove em que mostra o encanto e carinho de duas pessoas se conhecendo, se descobrindo, aprendendo a  amar, uma amiga comentou sobre como eu fiquei boba e pensativa, e traduziu exatamente o que meu coração calejado dizia: eu queria alguém assim, ser tratada desse jeito, mas eu queria que fosse ele.

Eu posso receber o amor do mundo inteiro, ter nove homens ideais na minha frente para escolher, mas eu só quero ele.

Acho que por isso eu tenho transferido o que sinto de um rapaz para o outro, na tentativa de suprir o que ele não me dá, como se eu possuísse e exorcisasse meus sentimentos dos diferentes caras aos quais beijei, encantei ou transei.

É como se eu soubesse do que ele é capaz, mas ele insiste em não fazer, é como se eu sonhasse e projetasse os meus sentimentos que são sempre mil vezes maior que meu corpo e coração, que nunca cabem em mim, e os transferisse de boca em boca, na tentativa de encontrar alguém que enxergue o tamanho de quem eu sou, enquanto ele não percebe a imensidão que tem aqui pra ele. 

E mesmo que seja bom, tenha uma boca gostosa, um sorriso que me coma inteira, olhos verdes, castanhos, ou azuis, mesmo que me toque como se eu fosse a coisa mais preciosa do mundo, ou me deseje como a delícia que poucos esquecem, não adianta nada, porque não é ele. 

Não sei se posso chamar isso de amor, nem se posso dizer que o amo, porque eu estou sempre buscando em outros o que ele não me dá.

E, se eu o amasse realmente, o que ele tem não deveria ser o bastante para mim?

E, se ele fosse realmente o amor da minha vida, ele não deveria preencher as lacunas que ele insiste em deixar vazias?

Por fim, por que eu o quero tanto, se tenho todos os outros? Mas, do que adianta eu ter todos se eu só quero um?

E pior ainda: se eu projetar todos meus sentimentos em alguém que também seja imensidão, será que eu vou ficar satisfeita ou ainda assim, vou continuar sonhando e projetando o amor que parece ser todinho dele?

9 de julho de 2018

@gabi

3 comentários



metade de mim te ama, e a outra metade só te quer,
metade de mim te quer na cama, e a outra não sabe se te quer

por ora, eu não te quero mais, porque você não é mais o que eu queria ontem
e quero agora
porque você foi fraco, covarde e insensível
isso que dá querer amar alguém imprevisível

uma parte de mim quer te falar sobre como meu coração ficou apertado nos últimos dias
e a outra parte de mim quer que você se foda, porque você foi um covarde, fraco e insensível
uma pena você ter medo de mulher impossível

eu te queria sim, você havia se tornado a minha conquista particular
e o que era só desejo, se tornou pessoal para eu aceitar que você me postergasse

ansiosa, altinha, apaixonada,
louca,
louquinha
por você

uma pena que de chamas você se transformou em apenas um cara fraco, covarde, insensível
e um pouco mais previsível


______________________________________________________________________

(Essa é a poesia sobre a história da Gabi, que tal dividir sua história comigo?