30 de setembro de 2019

Carta de agradecimento e amor

2 comentários


Eu deveria estar dormindo, tenho uma reunião muito importante amanhã, e estou me preparando desde as duas da tarde para isso, porém, a minha parte sensível, a minha eu interior precisa tanto falar, que as lágrimas estão transbordando.

Enquanto eu rezava, antes de me deitar para dormir, agradeci a Deus pelo dom que Ele me deu, o de escrever as coisas que eu sinto e poder falar com as pessoas através disso, e comecei a visualizar como as coisas que tenho conseguido estão se tornando maiores, ficando em grande escala.

22 de setembro de 2019

Não tenha inveja das pessoas

0 comentários
Via reprodução Google


Você pode ler ouvindo Colbie Cailat - Try

Às vezes, é preciso dizer o óbvio: não tenha inveja das pessoas.

Tem uma frase que eu gosto muito: "não meça seu sucesso com a régua dos outros", não perca tempo se comparando, desejando ter ou ser como qualquer outra pessoa que não você mesmo, porque você torna mais difícil o processo de autoconhecimento, autoaceitação e amor próprio. E cada pessoa tem uma realidade diferente, um jeito e forma diferente e singular de ver o mundo, as coisas, as situações, as pessoas e a vida.

16 de setembro de 2019

Ninguém imagina (e ninguém precisa saber)

4 comentários
Captured video "Smile" - Avril Lavgine.


 Você pode ler ouvindo Avril Lavigne - Keep Holding On

Às vezes, é complicado ser forte o tempo todo, mas, por favor, garanta que quando for mostrar a sua fraqueza, seja a alguém de confiança e que vá realmente cuidar de você.

É tão difícil encontrar pessoas que realmente se importam e que torçam pelo nosso bem, nossa melhora, é difícil lidar com as máscaras o tempo todo, principalmente porque quando elas caem, são de pessoas que nós nunca esperamos.

8 de setembro de 2019

Sobre permanecer e amar... você

0 comentários
Essa foto é sua? Se sim, entre em contato comigo para que eu te dê os créditos, a encontrei na reprodução do tio Google! <3

Você pode ler ouvindo Lil Wayne - How To Love



Eu errei.
Errei feio com você.
Eu vou passar o tempo que for necessário para fechar o buraco nível granada que eu abri no teu peito.
Porque eu quero você e sinto muito por ter visto isso, da forma que realmente é, depois do que te fiz, e agora eu só quero uma coisa com você: permanecer.

Não só como quando eu dancei a música “permanecer” pra você, com seus pais assistindo e rindo, porque eu sou meio estabanada, mas também como quando eu pulo no teu colo, no meio da cozinha, e te beijo, sentindo a reciprocidade do desejo que tenho por você. Ou como quando nós fomos para boate com alguns amigos, e você, basicamente, voltou vermelho de tanto beijo que eu te dei. Você nem é de sair, mas comigo você quis. Porque, relacionamento é isso, alguém sempre precisa ceder.